António Moniz
4 hrs · December 2 2016

For those that insist that eating fish is better than eating other animal meat, I invite you to read this article from colleagues of my university…
From the abstract: “The digestive tract contents of 263 individuals from 26 species of commercial fish were examined for microplastics. These were found in 17 species, corresponding to 19.8% of the fish of which 32.7% had ingested more than one microplastic. (…) Polymers were polypropylene, polyethylene, alkyd resin, rayon, polyester, nylon and acrylic”.

Pelagic species ingested more particles, benthic species ingested more fibres and 32.7% of the fish had more than one microplastic
sciencedirect.com

Notícia do Diário Insular

Posted: 02/12/2016 in Novidades
Tags: ,

Uma notícia verdadeiramente importante…
no Diário Insular de 1956

No automatic alt text available.

60º aniversário!

Posted: 02/12/2016 in Blogs de opinião

I am really blessed and lucky to received so many wonderful wishes in my 60st anniversary. So many friends, from so different origins and contexts, so many family friends, so many colleagues! It is really a privilege!
I thank you all from the bottom of my heart! I will respond to each of you. These days I have overbooked and with so different tasks, that I just could not answer all today! I will do my best! Thank you once again!
Agora em português!
Sinto-me abençoado e com tanta sorte por receber tantos e tantos (mais de uma centena!) desejos de feliz aniversário pelos meus 60 anos cumpridos ontem. Tanto amigos de tão diferentes origens e contextos, tantos familiares, tantos colegas! É realmente um privilégio!
Agradeço-vos do fundo do meu coração! Tentarei responder a cada um. Estes dias têm sido muito intensos de trabalho e por isso não consegui responder a todos hoje. Vou fazer o meu melhor nos próximos dias!
Obrigado! Obrigado!

A discussion promoted by the Wired magazine. There you can understand the importance to have a foresight capacity to understand potential problems of artificial intelligence, the potential of new opportunities and the capacity for a technology assessment! A “must-read” piece moderated by the Wired editor and includes Joi Ito (MIT) and Barack Obama.
Uma discussão promovida pela revista Wired. Aqui podemos entender a importância de se ter uma visão prospetiva capaz de compreender problemas potenciais do desenvolvimento da inteligência artificial, o potencial de novas oportunidades e a capacidade para uma avaliação de tecnologia. Uma peça que deve ser lida e que inclui, além do editor da referida revista, Joi Ito (MIT) e Barack Obama como principais intervenientes.

The president in conversation with MIT’s Joi Ito and WIRED editor-in-chief Scott Dadich.
wired.com|By Scott Dadich

São 7:00 na estação de autocarros de Peniche. Desde cerca das 6:30 que as luzes se apagam em toda a zona da Prageira aonde afluem turistas e outras pessoas que vão trabalhar utilizando os transportes públicos (poucos) que servem a cidade. Não sei de quem é a autoria desta irresponsável e estúpida medida. O perigo de alguém cair nalgum buraco ou obstáculo nos acessos é enorme. Simplesmente não se vê nada…
A Câmara é responsável pela segurança e bem estar dos seus munícipes na via pública. É por isso responsável por esta situação. Gostaria que ouvissem os comentários dos turistas que partem a estas horas para outras cidades… É uma vegonha…

António Moniz's photo.
António Moniz's photo.

Comment

Garrotados (podem ver no dicionário o modo como foram assassinados estes militantes…). O franquismo foi brutal. Felizmente, poucos dias depois deste evento, Franco morria e a democracia seria reintroduzida. Os anos anteriores, desde o fim da República, foram horríveis. Convém não esquecer o que se passou.

Image may contain: 4 people , text
Izquierda Unida

Hoy se cumplen 41 años de los últimos fusilamientos del franquismo. Baena, Sanchez Bravo, García Sanz, Txiki, Otaegui: ¡No olvidamos!

Public funded research return now to the public: Since the 1970s, numerous economic reports and articles have demonstrated that NASA investments help grow the US economy. Perhaps most importantly NASA-funded R&D helped stimulate our long-term capacity for innovation and economic growth within the government, at universities, and at industrial companies. The disciplines advanced are many – including earth and space science, materials, computing and electronics, fuels, radio communications, safety, and even human health.

The National Aeronautics and Space Act of 1958 challenged our Nation to grow our technical and scientific abilities in air and space. Since the 1970s, numerous economic reports and articles have demonstrated that NASA investments help grow the US economy. Perhaps most importantly NASA-funded R&D hel…
ncbi.nlm.nih.gov

Not clear: “self-driving cars” have no drivers…
You have a driver that takes the responsibility, or not. In UK and Germany they have to take it. In Michigan not (but only under several conditions!). Thus, technically it is possible to have self-driving cars on the streets. But regulations do not accept them. Humans have to have final responsibility on AI actions.

How should an A.I. act in an emergency?
inverse.com
António Moniz http://www.autoblog.com/…/self-driving-cars-solve…/ Uma introdução interessante ao problema da necessidade de veículos auto-guiados nas estradas. Mas a responsabilidade deve resider no humano (fabricante ou utilizador). Seria necessário então construir confiança… Muito há a fazer. E não é apenas do ponto de vista tecnológico…

The position of Japan about BREXIT is now clear. That should have a similar position from EU on the Japanese note, and European member states as well. The worries made public by the Japanese government are affecting also other EU countries which have strong foreign (non-EU) investment.

We have invested a huge amount of money in Britain. And you guys are screwing it up.
businessinsider.de

A economia portuguesa continua muito frágil se se basear nas orientações da construção. A “recuperação temporária do investimento produtivo” prova ser que o apoio público (Portugal2020) tem de estar orientado para este tipo de investimento. Portugal não encontrou ainda os seus valores comparativos que garantam investimento estrangeiro e capacidade inovadora.
A articulação desse apoio/incentivo é urgente com articulação ao sistema educativo e formativo. Esta articulação através dos instrumentos do Portugal2020 ainda é muito fraca. Continuamos a assistir ao enfraquecimento da rede de formação profissional do IEFP. Em paralelo não existe qualquer intenção de articular o sistema de ciência e tecnologia com estratégias de apoio ao investimento produtivo.
Sem estas articulações a economia portuguesa continuará frágil e dependente dos fluxos conjunturais da construção e do turismo.

Nos últimos dias fui contactado por alguns jornalistas para comentar a evolução decepcionante do investimento em Portugal, que tem vindo desacelerar há vários trimestres. No texto abaixo sistematizo o que me parece que se pode dizer sobre isto neste momento.

ladroesdebicicletas.blogspot.com|By Ricardo Paes Mamede